Despedida

Ok, tinhamos que voltar para Tana. Uma esticada de um dia inteiro de viagem. Chegariamos tarde, mesmo se acordassemos cedo. Tinha que pegar barco, passar no caixa automatico para sacar dinheiro e percorrer a bela estrada novamente. O dia voou, nem sentimos que estavamos viajando tanto, porem so ate escurecer. Depois, sem poder ver a paisagem, so dormindo, o que era impossivel com tantas curvas.

Nos sentimos em casa

Nos sentimos em casa

 

Barco

Barco

 

Menina na escada

Menina na escada

 

Canion

Canion

 

Criancada

Criancada

 

Madagascar rural

Madagascar rural

 

Madagascar Urbano

Madagascar Urbano

 

Pela janela

Pela janela

 Resumindo a historia, como fizemos as devidas paradas para as refeicoes, e nos enrolamos para sair, chegamos em Tana so as 4 da manha. Depois de tanto viajar resolvemos ficar em outro hotel, mas procurar a esta hora era loucura. Fomos num que eu tinha visto, mas era so um pouco melhor e muito mais caro. Resolvemos arriscar um com cara de caro, que de fora  nao parecia nada de mais. Entramos e na hora vimos que este era nosso descanso merecido. Hotel boutique, todo descolado, com decoracao asiatica, e para nossa sorte tudo na metade do preco!!! Quase nao acreditamos, e ao ficar mais uma noite, vimos que cobraram so uma diaria, pois segundo eles tinhamos chegado cedo…

Aproveitamos para conhecer Tana melhor. Tem uma regiao cheia de joalherias, e nao muito longe ficam as galerias de arte, cafes, e lojas que fizeram a Bibi querer comprar tudo. Ha, tinham bolangeries bacanas onde dava para tomar um café e um sorvete. De noite rolou um jantar de despedida com a tchurma, e tava muito legal.

Mas nao tinhamos visto os Indri ainda, o maior dos Lemurs, entao outro dia cedo fomos para o parque de Antasibe ao leste de Tana. Fica na floresta tropical, e logo dava para ver porque em ingles chamam Rain Forest. O tempo ficou meio fechado, chuviscando, e apesar de nao ser tao longe de Tana, demorou para chegar de tantas curvas e sobe e desce.

Na entrada do parque tomamos café da manha, e ja vimos uns lemurs ali mesmo, praticamente fora do parque. Iniciamos a caminhada por uma trilha que estava molhada e escorregadia. Logo avisaram nosso guia onde estava uma familia de Lemur, e fomos direto ao encontro deles. Ja estavamos satisfeitos com tantos lemurs que haviamos visto, e ainda por cima tao de perto, mas os Indri nos surpreenderam. Sao grandes (quase um metro) e sem cauda. Estes sim parecem nossos primos. Eles dao uns pulos muito longe de uma arvore para outra. Muito legal, ficamos um bom tempo com eles, e tambem pudemos observar de perto. Valeu muito a pena ter vindo!!

Indri

Indri

 

Casal

Casal

 Resolvemos passer os ultimos dias ainda mais ao leste, em Ankanin Nofi, que faz parte de uma serie de canais que segue paralelamente ao mar. Era o destino ideal para quem buscava tranquilidade, e ainda mais a Bibi que estaria voltando para o Brasil enquanto eu seguiria viagem. Para chegar em Manambato, onde pegariamos um barco para o hotel, tivemos que percorrer a parte final do trajeto em estrada de terra. Chegando la tivemos problemas em conseguir um barco e lugar num hotel. Descobrimos que tudo nesta regiao funciona com pacotes. Tivemos que dormir nesta praia mesmo, para so ir no dia seguinte. Na outra manha o tempo tava ruim, e pensamos ate em voltar para Tana. Nao deu certo, pois o barco depois de ter atrasado, chegou. Ja que tinhamos que ir, resolvemos almocar la, ver se era tudo aquilo que diziam, e se nao gostassemos voltariamos no mesmo dia e emendariamos a estrada ate Tana. O tempo continuava ruim, chegamos na pousada que fica numa pequena praia e eramos os unicos hospedes. Falamos que nao sabiamos se ficariamos, mas fomos bem recepcionados com drinks de boas vindas. Nem precisou chegar a cerveja que pedi, para a Bibi ficar meio tonta. Ficamos curtindo, batendo papo, almocamos, quando o tempo comecou a abrir e tudo mudou. Que diferenca faz o sol!!! Decidimos ficar, curtimos uma praia e depois voltamos para nossa cadeira espreguicadeira com uma super vista. Nao e que de repente algo pula numa mesa ao lado. Nos assustamos e logo vimos que era um pequeno lemur, que em seguida pulou no parapeito a nossa frente e em seguida no colo da Bibi. Ficamos meio sem saber o que fazer, se era domesticadado ou o que, quando ele comecou a lamber o dedo da Bibi. Ficou um tempo ali, e saiu pulando para as arvores. No jantar muito camarao e sossego. Ficamos curtindo aquela praia so para nos, mas logo tinhamos que voltar para Tana.

Bibi com a nova amiguinha

Bibi com a nova amiguinha

 

Pegamos barco e depois a estrada, que foi mais demorada que imaginavamos. Chegamos em Tana e nao quisemos fazer muita coisa, pois no dia seguinte ja pegariamos o voo. De noite fomos jantar e resolvemos ficar no bar do hotel pra curtir um pouco. Tava rolando uma festinha que logo fomos convidados para participar. Era dos donos do hotel, que foram com nossa cara e resolveram pagar as bebidas. Isto que e despedida!! Ficamos batendo papo com eles e depois sozinhos.

Na manha que pegariamos o voo, acordamos dancando e cantando, coisa que era meio comum quando tinhamos som- pareciamos 2 sem nocao. No embarque tudo certo, so um contratempo na hora de trocar dinheiro. Chegando em Nairobi fiquei com a Bibi ate ela embarcar para Dar. Ja tinha sido dificil me despedir dela no Brasil, mas agora, da nova Bibi foi pior ainda…

Anúncios

8 comentários em “Despedida

  1. Finalmente um elogio ahhahaha…. que coisa mais linda!!! Adorei a nova Bibi, é como me sinto. Obrigada pela viagem maravilhosa, me emocionei vendo as fotos.

    Beijos

  2. nem bem chegou e a nova Bibi ja comprou passagem pra Londres…qtos mil kms… o gostoso é q a gente não para de conversar Adorei Tana, bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s